Mundo Inclusão

Cão-guia fez com que doente fosse transportada para o Hospital de São João e se salvasse

Uma cadela preta está sentada ao lado da cama de hospital onde está sua dona.

Uma cadela foi além da sua missão de cão-guia e salvou a dona quando se apercebeu de que algo não estava bem.

Ao procurar ajuda exterior, permitiu que a dona, diabética, fosse assistida a tempo. A doente foi transportada para o Hospital de São João, onde continuou a contar com a companhia da cadela.

Uma publicação no Facebook da Escola de Cães-guias para Cegos de Mortágua, em Viseu, relata o episódio que está a emocionar os internautas.

Há 18 anos que a escola tem como principal objetivo a educação de cães-guia para cegos e permite a utilização gratuita destes animais às pessoas portadoras de deficiência visual, para quem estes companheiros representam uma nova liberdade.

Fonte: JN (link para o site).

Compartilhar: Facebook Twitter