Tua História

Quem é Ricardo Tostes?

Primeiramente, meu nome é Ricardo Tostes Pinto Perdigão, mas todos me chamam de Ricardinho. Tenho 21 anos e em breve completarei 22 anos de vida. Estou cursando graduação em Direito e moro na cidade de Itaperuna, que está localizada no interior do Rio de Janeiro.

Para ser sincero, o início da minha história se dá antes mesmo do meu nascimento. Minha mãe se submeteu a todos os exames pré-natais e nenhum deles apontou algum problema comigo. Na hora em que eu nasci, os médicos perceberam que os meus braços e pernas eram virados para dentro, mas até então achavam que era só isso. Algum tempo depois, fiz uma biópsia do músculo, na qual foi constatado que eu tinha uma doença genética chamada Distrofia Muscular. Essa doença causa fraqueza nos músculos, me impedindo de andar, por isso utilizo uma cadeira de rodas.

Ricardo está com uma bermuda branca e camiseta rosa clarinha. Ele está olhando para a foto e sorri.

Nem sempre usei uma cadeira de rodas. No início, eu utilizava uma moto de bateria para me locomover. Comecei a frequentar a escola com dois anos e minha adaptação foi superrápida. Como já disse, nessa época eu ainda não usava cadeira de rodas, mas uma motinho de bateria. Na minha infância, na escola, eu nunca sofri nenhum tipo de preconceito das outras crianças. Pelo contrário: elas me receberam de braços abertos.

Alguns anos depois, por conta dos meus problemas de saúde, minha pediatra resolveu me afastar do colégio. Sempre sonhei com o dia em que eu entraria na faculdade de Direito, mas tive alguns problemas de saúde, como embolia pulmonar, entre outras coisas. No entanto, nunca desisti de lutar pela vida.

Então, comecei a minha tão sonhada faculdade de Direito e realizei um outro grande sonho meu que foi de conhecer a Disney. A faculdade me presenteou com grandes amigos que irei levar para o resto da minha vida.

No ano passado, eu resolvi criar um blog sobre o mundo dos cadeirantes, o Life sobre Rodas. Nesse blog, eu abordo vários assuntos sobre o universo dos cadeirantes. Todos estão convidados para conhecer.

Compartilhar: Facebook Twitter